bloqueador bloqueador bloqueio

As notícias do Blog agora em nosso Site. Clique na imagem para acessar.

As notícias do Blog agora em nosso Site. Clique na imagem para acessar.
O Blog O Popular mudou para melhor. Confira todas as notícias de João Monlevade e região em nosso site www.opopularjm.com.br. Clique na imagem acima e confira.

Suspeito de matar a esposa em Bela Vista de Minas é ouvido pela Justiça em Nova Era

Moradores fizeram protesto pedindo por Justiça enquanto ele era ouvido 


Moradores da cidade de Bela Vista de Minas estiveram no Fórum de Nova Era na tarde desta quinta-feira (5) onde realizaram um protesto pela morte da comerciante Gilsara Júnia Portes, 24, ocorrido no dia 11 de agosto do ano passado, dentro da vidraçaria onde trabalhava junto com o marido dela Adriano Mendes Soares, 32, principal suspeito do crime.

A comerciante foi baleada no pescoço e chegou a ser socorrida ao Hospital Margarida, em João Monlevade, mas morreu antes de dar entrada na unidade de saúde. Adriano, que está preso na cadeia pública de Nova Era, foi levado na tarde de hoje para ser ouvido no Fórum da cidade. Com o rosto da vítima estampado em cartazes e em camisetas, cerca de vinte pessoas, entre amigos e familiares de Gilsara, pediam por Justiça na porta do Fórum. Elas não tiveram contato com o suspeito do crime durante o depoimento.

Policiais militares estiveram no local para garantir a segurança.

Na ocasião Adriano disse que sua esposa havia sido alvejada durante um suposto assalto, mas depois confessou que fez um disparo acidental que atingiu a mulher. Ele teria indicado dois funcionários como testemunhas da tentativa de assalto.

Desconfiados da história contada por ele, e por estar aparentemente nervoso e entrar em contradições nas informações, durante deslocamento até a casa dos funcionários para que fossem qualificados, os policias fizeram mais perguntas afim de esclarecerem o caso, momento que ele acabou confessando que havia mentido para os policiais e que teria sido ele o autor do disparo que vitimou sua esposa.

No dia do crime, segundo o Boletim de Ocorrências da Polícia Militar, Adriano somente teria feito o acionamento da polícia, cerca de 45 minutos depois do fato.

A data do Julgamento dele ainda não foi marcada pela Justiça. Enquanto isso ele continua preso.

No Response to "Suspeito de matar a esposa em Bela Vista de Minas é ouvido pela Justiça em Nova Era"

Powered by Blogger