bloqueador bloqueador bloqueio

As notícias do Blog agora em nosso Site. Clique na imagem para acessar.

As notícias do Blog agora em nosso Site. Clique na imagem para acessar.
O Blog O Popular mudou para melhor. Confira todas as notícias de João Monlevade e região em nosso site www.opopularjm.com.br. Clique na imagem acima e confira.

Vereadores, prefeitos e secretários podem ter aumento de 5% nos salários

Tramita na Câmara de Vereadores de João Monlevade projeto de lei que prevê o reajuste salarial dos parlamentares. O índice proposto para o aumento é de 5% e seria estendido também ao prefeito Teófilo Torres (PSDB), secretários municipais e demais servidores.

Com o reajuste, o salário do vereador aumentaria R$ 346,7, chegando a R$ 7.282,07. O do prefeito vai de R$ 15.699,09 para R$ 16.484 e os dos assessores de R$ 6.448,93 para R$ 6.771,37. Os valores apresentados são brutos, sem os devidos descontos.

O reajuste dos salários dos vereadores vai impactar diretamente nas despesas na próxima legislatura, já que haverá aumento do número de parlamentares de 11 para 15. Com isso, a despesa anual com a folha de pagamento dos vereadores e de seus assessores pode saltar de aproximadamente R$ 1,32 milhão para R$ 1,8 milhão. Apesar das cifras milionárias, o impacto financeiro não deve ultrapassar os 6% do orçamento permitido pela legislação.

Servidor  pode ter reajuste menor do que o ano passado 

Assim como nos anos anteriores, sem discutir com o sindicato, o prefeito Teófilo Torres encaminhou para a Câmara de Vereadores projeto de lei que reajusta os salários dos servidores municipais em 5%. Se aprovado, o aumento passa a valer a partir de 1º de março, abrangendo todas as categorias, como os servidores efetivos, comissionados, contratados e professores, extensivo, ainda aos servidores de autarquias, fundações municipais e Câmara.

O aumento salarial deste ano é menor do que o índice de 6,23% dado no ano passado. Ainda segundo o projeto do prefeito, fica assegurado o valor de R$ 2.135,64 como piso salarial para os profissionais do magistério municipal para uma jornada de 40 horas, conforme fixado pelo Ministério da Educação e Cultura. O valor do vale-alimentação também terá reajuste e passa para R$ 228,00 entre os símbolos 6 e 12 e ESP01. Os demais devem receber o tíquete de R$ 200,00. Kátia Passos Os dois projetos sobre os aumentos dos salários devem entrar na pauta de votação na próxima semana

1 Response to "Vereadores, prefeitos e secretários podem ter aumento de 5% nos salários "

leonardo kaua disse...

Isso é um roubo

Powered by Blogger