bloqueador bloqueador bloqueio

As notícias do Blog agora em nosso Site. Clique na imagem para acessar.

As notícias do Blog agora em nosso Site. Clique na imagem para acessar.
O Blog O Popular mudou para melhor. Confira todas as notícias de João Monlevade e região em nosso site www.opopularjm.com.br. Clique na imagem acima e confira.

Médico homenageado na Câmara dá “uma aula” sobre unificação do PA com Pronto Socorro do Margarida

Em seu discuso Marcos André defendeu a unificação do PA com o Pronto Socorro do Margarida

O médico Marcos André Crim Câmara, foi um dos homenageados da noite desta quarta-feira (12), durante a sessão Ordinária da Câmara Municipal de João Monlelevade, pelos relevantes trabalhos prestados na área de saúde na Cidade, trabalhando em prol dos menos favorecidos e em defesa da vida.

A homenagem foi uma Moção de Aplausos, de iniciativa do vereador Geraldo Camilo Leles Pontes (PRB), votada e aprovada por unanimidade no dia 09 de abril de 2014. Marcos André faz parte do corpo clínico do Hospital Margarida e atua na coordenação do Centro de Tratamento Intensivo (CTI), da unidade hospitalar e também, endocrinologista na Policlica. Atualmente ele é coordenador do Pronto Atendimento Municipal (PA).

 Em seu pronunciamento de agradecimento pela homenagem, o médico aproveitou para, literalmente, dar uma aula sobre um dos assuntos mais discutidos em toda a cidade no momento, a Unificação do Pronto Atendimento Municipal e o Pronto Socorro do Hospital. André fez questão de frisar que não defende nenhum interesse político, e que as pessoas reconhecem que seu trabalho é apolítico e em prol da população.

Segundo ele a unificação é um avanço para João Monlevade, assim como foi o CTI onde muitas pessoas morreram pela ausência dele. “Quantas vidas nós já salvamos ali no CTI, são incontáveis. E quantas pessoas morreram pela falta deste CTI, que começou pequeno, foi fechado por problemas e foi reaberto agora. Um CTI que eu considero excelente. Pode não ser um CTI como um de uma cidade de ponta, mas quantas vidas nós já salvamos”, disse.

Marcos André disse que é preciso unir forças para que a população possa ter um atendimento de saúde de qualidade, e que para isso é preciso comprometer o Hospital Margarida com o serviço de emergência da cidade. Segundo ele os estudos para unificação surgiram ainda no primeiro mandato do ex-prefeito Carlos Moreira e se estendeu nos mandados seguintes. Esses estudos seriam para a implantação de Pronto Socorro Municipal de João Monlevade, onde qualquer pessoa que necessitasse de uma emergência médica, seria atendida com excelência, independente se o paciente teria um plano de saúde ou através do Sistema Único de Saúde (SUS). “Esse projeto já existe. É um projeto grande, que estacionou e não prosseguiu, o que eu considerava um avanço estagnou, ficou o hospital de um lado e o PA do outro e nunca conseguimos juntar as forças”, lamentou.

O médico avaliou a unificação como sendo de grande importância para a população. Segundo ele não há na cidade, profissionais para gerar pediatria e clínica médica em lugares diferentes e que, o hospital já possui um “plano piloto” de unificação da pediatria e que já está sendo montado um espaço para o atendimento desde setor. “A pediatria do jeito que ela está, só está gerando problemas. Não se atende bem pediatria no PA e nem no hospital, então tem que juntar. Eu acho que já passou da hora de juntar”, disse.

Outra informação de Marcos André, é que já estão sendo realizadas obras na área do antigo laboratório da unidade de saúde, para abrigar o setor de pediatria e assim, se tornar o Centro Pediátrico de João Monlevade. “Isso é um avanço gente. Agora a Clínica Médica é outro problema. No PA hoje em dia atendemos uma média de 150 a 200 pacientes por dia [clínicos], fora o período noturno. O Hospital Margarida, no momento, ele não tem infraestrutura para abrigar essa população. A coisa é mais urgente, então nós temos que fazer uma obra naquele Pronto Socorro, estendendo a parte de trás para o local do terreno, para que o repouso do Pronto Socorro se estenda. A obra é pequena, mas ela tem que ser feita, em minha opinião, para que o Margarida atenda a demanda do PA”, pontuou.

Outro ponto importante levantado pelo médico é sobre ouvir e informar a população sobre as mudanças. “É necessário que a população saiba que o quintal da casa dela vai ser o Posto de Saúde, e esses postos terão que estar preparados. A unificação ela tem etapas que precisam ser cumpridas”, disse.

No Response to "Médico homenageado na Câmara dá “uma aula” sobre unificação do PA com Pronto Socorro do Margarida"

Powered by Blogger