Policiais da 17ª Companhia Independente participam de palestra motivacional

A Polícia Militar de João Monlevade realizou nesta quinta-feira (24), na sede da 17ª Companhia Independente, no bairro Belmonte, mais uma palestra, dentro de um ciclo de eventos promovido pelo comando da Polícia Militar na cidade, com o tema “Gestão de si mesmo”.

O ciclo de palestras é um projeto desenvolvido, voltado para a família do policial militar, abordando a questão motivacional, dentro da carreira do militar. A palestra foi ministrada pelo professor Rodrigo Sávio, da Unidade Doctum Funcec João Monlevade, especializado em gestão de pessoas e consultoria de recursos humanos.

Em sua palestra o professor abordou temas como as mudanças que temos vivido ao longo dos anos, como por exemplo, as formas que lidamos com outras pessoas, formas de trabalho e a tecnologia. De acordo com o palestrante o poder da mudança está dentro de cada um de nós. “Se eu não posso mudar o mundo, eu posso pelo menos mudar a forma como eu vejo o mundo”, disse.

O trabalho foi apresentado de uma maneira inovadora, interagindo com os participantes com lições de vida, música e humor. Tudo dentro das mais modernas técnicas de didáticas motivacionais. Proporcionando ainda às pessoas, o aprimoramento de competências, o vencimento de medos e descobrimento de uma melhor forma de viverem bem de acordo com a sua realidade.

 O professor finalizou com uma frase do ex-presidente norte americano Abraham Lincoln que diz: “Ser feliz não é ter uma vida perfeita, mas deixar de ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história”, e fez um incentivo para que os militares se abraçassem. “Eu não ia fazer isso aqui não, mas estou me sentindo a vontade para fazer, e gostaria que vocês dessem um abraço, uns aos outros aqui, daquele jeito que eu ensinei, de coração com o coração”, disse Rodrigo Sávio motivando os militares.

O capitão Jayme Alves, subcomandante da 17ª Companhia Independente, agradeceu ao professor e disse acreditar que, cada policial militar irá aplicar em casa o que foi passado na palestra. Ele avaliou como positivo o encontro, que contou com cerca de 80 policiais militares.

Quatro presos em operação contra o tráfico de drogas no Nova Esperança


A Polícia Militar de João Monlevade realizou uma operação de combate ao tráfico de drogas na noite desta quinta-feira (23), no bairro Nova Esperança.

Quatro homens foram presos e um menor apreendido, acusados de tráfico de drogas. Foram presos Jonathan Rodrigues de Almeida, 19, Mathues Henrique Almeida, 20, Relber Germano da Silva, 20 e Genesis Samuel Silva, 23, e um menor de 17 anos, apreendido. Com os autores a polícia encontrou 22 pedras de crack, uma porção de cocaína, 6 porções de maconha, 1 balança de precisão, usada para pesar drogas, dois rádios de comunicação, dois pinos vazios para embalar drogas, 3 celulares e uma quantia de R$20,00.

De acordo com a polícia Durante “Operação Anti Drogas”, realizada no Nova Esperança as equipes Tático Móvel, composta pelo Tenente Ronaldo Fernandes, sargentos Rodrigues, Lúbio Rocha, cabo Célio Ferreira e soldados Cláudio Alexandre, Benfica, Júlio Ferreira e Demétrius Prates, após várias denuncias através do 190, constataram que vários usuários frequentavam o local. OS acusados usavam um pasto para esconder os entorpecentes.

Eles foram vistos durante monitoramento da polícia, entrando no mato de onde retiravam as drogas e entregavam aos usuários. Em um gomo de bambu, foi encontrada uma porção de cocaína. Na casa da avó de um dos envolvidos, foram encontrados dois rádios de comunicação, que eram usados para avisar quando a polícia chegava ao bairro.

O autor Reuber já cumpriu pena no Estado do Espírito Santo por roubo a mão armada, além de ser suspeito de alguns roubos ocorridos em João Monlevade.

Além das drogas foram apreendidos também, comprovantes bancários, papeis que continham o controle da venda da droga, pagamentos e movimentações financeiras e uma motocicleta, usada nas atividades da quadrilha.

Os cinco envolvidos foram levados para a 4ª Delegacia de Polícia Civil de João Monlevade.

Menor é apreendido com drogas em Bela Vista de Minas

Um menor foi apreendido por volta das 22h45, da noite desta quinta-feira (23), no Bairro Senhor do Bomfim, em Bela Vista de Minas. Com o menor foram encontradas 8 buchas de maconha e 01 celular Segundo a Polícia Militar durante a realização de uma operação antidrogas abordou o menor de 16 anos, próximo à Igreja Católica, sendo encontrada no bolso esquerdo de sua bermuda 01, uma bucha da droga.

O menor teria escondido, dentro da boca, outras 07 buchas grandes de maconha. De acordo com a polícia, no ato da apreensão, o telefone do menor recebeu diversas chamadas fazendo pedido de entorpecente, perguntando se poderia entregar em casa. O menor recebeu voz de apreensão em flagrante e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil, juntamente com o entorpecente apreendido.

Posto de Combustíveis é novamente assaltado no bairro Santa Bárbara

Um posto de combustíveis foi assalto no bairro Santa Bárbara, por volta das 4h50 desta sexta-feira (24). Segundo a Polícia Militar, o frentista de 38 anos, funcionário do estabelecimento, contou que estando de serviço, repentinamente, apareceu um indivíduo portando uma faca e anunciou o assalto, vindo a deferir um golpe nas costas da vítima.

O funcionário entregou ao marginal a quantia aproximada de R$160,00. Após a ação criminosa o autor evadiu do local, e segundo uma testemunha, havia um segundo autor aguardando em uma motocicleta na rua atrás do posto. Os marginais fugiram tomando rumo ignorado. A vítima foi socorrida ao Hospital Margarida. Foi realizado rastreamento, porém até o momento, nenhum suspeito foi preso. Essa foi a segunda vez, em 48 horas que o estabelecimento foi assaltado.

Prefeito Teófilo Torres assina ordem de serviço para início das obras de revitalização da Avenida Alberto Lima


O prefeito Teófilo Torres (PSDB), convocou uma coletiva com a imprensa em seu gabinete na manhã desta quinta-feira (23) para assinatura da ordem de serviço para execução da obra de revitalização da avenida Alberto Pereira Lima, que será contemplada com passeio público, nova pavimentação e troca da iluminação.

O custo total da obra é de R$4.034.231,07, bem abaixo do valor orçado que era de R$4.600.802,09. Segundo o prefeito, os recursos para a execução da obra vieram de convênio firmado pela Prefeitura de João Monlevade junto à Secretaria de Estado de Governo de Minas Gerais em maio deste ano.

Além dos representantes das empresas Sartori Construções LTDA, Engepav LTDA e a Prohetel Projetos e Construções LTDA, vencedoras do processo licitatório que foi realizado em Junho passado, estavam presentes os vereadores Guilherme Nasser (PSDB), presidente da Câmara Municipal, Carlos Gomes (PSB) e Sinval Jacinto Dias (PSDB), o Secretario de obras Fabrício Lopes e assessores. A avenida Alberto Pereira Lima, é uma das principais vias de acesso ao centro, para quem chega à cidade pela BR-381.

 O projeto prevê a construção de novos passeios mais amplos, nova iluminação com os postes no canteiro central e uma luminária de cada lado, um projeto paisagístico adequado para a região também faz parte da obra.

 Os serviços foram divididos em três lotes e as empresas vencedoras no processo licitatório, realizado em junho passado, foram a Sartori Construções LTDA, Engepav LTDA e a Prohetel Projetos e Construções LTDA. A empresa Sartori ficou com o primeiro lote, o de inftraestrutura, que será pavimentação de 14.800 metros quadrados de passeio em piso de concreto pré-moldado intertravado. A empresa apresentou a proposta de R$ 1.670.366,02.

 O segundo lote prevê a execução de 6.700 metros quadrados de meio fio de concreto pré-moldado tipo 8 e 6.700 metros de sarjeta tipo 1 – pavimentação asfáltica totalizando 44 mil metros quadrados, que será realizado pela Construtora Engepav Ltda no valor de R$1.322.780,91. O terceiro lote, o de serviços de iluminação, conta com a instalação de 86 postes de aço octagonal padrão Cemig com acessórios e complementos. A Prohetel Projetos e Construções Ltda EPP será a responsável por esse serviço. A empresa apresentou proposta de R$1.041.084,16.

O prefeito Teófilo Torres agradeceu a presença de todos e afirmou que esta é mais uma obra importante para a cidade, já que contempla a revitalização de uma das principais vias de acesso à cidade. Teófilo agradeceu a parceria da CDL de João Monlevade, responsável pelo fornecimento do projeto de revitalização, feito pela arquiteta Mayza Fernandes, e doado à Prefeitura. “O projeto está sendo realizado com pouquíssimas alterações”, afirmou Teófilo.

Além disso, o Prefeito ressaltou a economia feita no valor de, aproximadamente, R$550 mil, após a realização da licitação e que ficará como resíduo para realização de outras obras. O recurso, proveniente do Governo do Estado, é no valor de R$ 4.600.000, 00. Após o certame, o valor caiu para R$ 4 milhões. “Todos os nossos pagamentos estão sendo feitos em dia e por isso muitas empresas se interessam em concorrer para execução das obras, gerando economia para o município”, destacou o prefeito.

Ainda durante o encontro, Teófilo anunciou que ainda no mesmo dia, será iniciada a pavimentação asfáltica da Avenida Armando Fajardo. “As duas vias de acesso principais de entradas para a cidade estão recebendo melhorias, o que não era feito há mais de 20 anos”, lembrou. “Temos várias obras sendo executadas pela cidade, algumas que já acabaram e algumas que começarão em breve. Isso prova que não são obras eleitoreiras, como já foi dito”, destacou.

Quadrilha é presa suspeita de praticar vários roubos em Itabira e região


A Polícia Militar fez a prisão de uma quadrilha composta por cinco integrantes que praticou pelo menos cinco assaltos nas ultimas 48 horas, em Itabira.

Com os criminosos foi apreendido um Fiat Palio, de cor vermelha, cujo a placa foi anotada após um assalto a um Trailer na Vila Santa Rosa, na noite da ultima segunda-feira (20).

O carro seria de um dos criminosos detidos pela PM. Na manhã desta quarta-feira 22, o bando assaltou um rapaz numa motocicleta no entroncamento da rodovia MG434 entrada para o Distrito de Ipoema, para onde a quadrilha seguiu após os crimes em Itabira. Três deles estavam no Fiat Palio e dois na moto CG cor cinza tomada de assalto.

Acionados pela Central de Operações da Policia Militar (COPOM) viaturas foram enviadas para zona rural e região da estrada de acesso ao Distrito de Nossa Senhora do Carmo, trabalhando com a hipótese de que a quadrilha pudesse passar pelos dois distritos e chegar à Itabira.

Quando a Viatura da Policia Rodoviária Estadual (PRE) passou pelo Valério e iniciou o trajeto, já deparou com o Fiat Palio e três ocupantes, sendo feito a abordagem. Já os outros dois integrantes foram detidos , pouco a frente, na motocicleta quando estavam tentando fuga. Em poder dos cinco homens foram apreendidos uma garrucha, um revolver calibre 22, um simulacro de PT 380, R$26,00, uma touca ninja usada nos assaltos e dois celulares.

O Fiat Palio e a moto foram apreendidas, bem como uma Picape Montana furtada na zona Rural. A polícia investiga a participação deles no assalto ao sitio na zona rural de Itambé, onde um homem foi amarrado e agredido e a Montana levada na ação e uma quantia de R$300,00. E também, nos assaltos aos comércios Trailer e roubo de uma moto ambos na noite de segunda-feira.

(Fotos: Atila Lemos e)

Advogado liga para delegacia e acaba entregando que cliente tinha celular dentro da cela na Cadeia de São Domingos do Prata

Um advogado, sem se dar por conta, acabou denunciando que seu cliente estava usando um celular dentro da Cadeia Pública da cidade de São Domingos do Prata.

O fato foi descoberto por volta das 14h desta quarta-feira (22), pelos Agentes Penitenciários Ederson Castro e Robson Pereira.

Eles contaram que receberam uma ligação do advogado do detento Antônio de Pádua, “Cocão”, que cumpre pena por roubo, exigindo deles que o seu cliente fosse colocado no regime semiaberto. “Ele [advogado] ligou aqui para a delegacia, muito nervoso, e disse que havia recebido uma ligação do preso, cobrando dele a soltura porque havia uma determinação da Justiça para isso, porém até aquele momento, não havíamos recebido nenhuma ordem judicial, determinado a mudança do regime fechado para o semiaberto”, disse Ederson Castro.

Os agentes foram até a cela onde Antônio estava detido, e ele acabou entregando o aparelho. Ao verificarem as chamas do parelho, foi constatado que o preso havia feito contato com o advogado duas vezes. A primeira ligação foi 13h23 e a segunda às 13h39.

A suspeita é que ele tenha entrado com o celular escondido dentro da armação de gesso de uma das pernas fraturadas em um acidente.

Segundo os agentes, Antônio de Pádua cumpria pena no regime semiaberto, ou seja, saía durante o dia para trabalhar e retornava a noite para a cela, porém, ele teria sofrido um acidente e quebrado uma das pernas e, por isso, não voltou para a cadeia, passando a ser considerado foragido. Quando foi recapturado, havia perdido o direito de terminar de cumprir a pena no semiaberto. O advogado dele entrou com uma ação na Justiça e, durante uma audiência na tarde de ontem (21), a Justiça desconsiderou o ato de foragido, em virtude da perna fraturada, e entendeu que ele poderia permanecer no semiaberto.

Ainda segundo os agentes, o documento da Justiça somente chegou à Delegacia por volta das 15h10 desta quarta-feira (22). “Explicamos para o advogado que sem documento não podíamos liberar o preso. Respeitamos a decisão da Justiça e quem dá a ordem para soltar aqui é o delegado, ele que é o responsável pela Cadeia e não o advogado. Já pensou se fosse fácil assim, um advogado liga e o preso é solto?”, disse Ederson.

O preso flagrado com celular dentro de presídio ou cadeia, comete falta grave, segundo o Código Penal Brasileiro, podendo o preso ficar privado da liberdade. O nome do advogado não foi revelado.

Segundo o Delegado Antônio Inácio, de São Domingos do Prata, o caso será analisado e o preso estará sujeito às sanções penais previstas em Lei.

Mulher sofre aborto e enterra o feto em um parque em Santa Bárbara

Uma mulher de 31 anos que, segundo sua mãe, é usuária de drogas foi presa por volta das 17h de segunda-feira, 20 de outubro de 2014, após ter feito um aborto e enterrado o feto no Parque Recanto Verde no Centro de Santa Bárbara.

A polícia foi comunicada do crime por um guarda municipal que foi procurado pela mãe da acusada relatando que sua filha, grávida há cerca de 90 dias, teria feito aborto e com a ajuda do namorado, enterrou o feto no referido parque.

A mulher foi localizada e levou a polícia até o local onde havia enterrado o feto.

Ela contou que, por ter feito uso excessivo de crack, sentiu dores no abdômen e teve sangramento vaginal e, quando verificou percebeu estava saindo algo, que em seguida foi para a mata e contou com a ajuda do namorado para enterrar o feto.

 Policiais constataram o fato e comunicaram a perícia técnica da Polícia Civil, que não compareceu ao local. O delegado de plantão autorizou os militares levar o feto junto com a mulher para o hospital da cidade.

O feto vai passar por uma biopsia e o resultado poderá ficar pronto no prazo de 15 dias.

Por ter perdido muito sangue, a mulher foi levada ao hospital da cidade e após ser medicada, permaneceu internada em observação.

Ela já foi liberada.

Caso comprovado que a mulher provocou o aborto ela pode ser condenada pelo crime. A pena para esse tipo de crime varia de um a dois anos de detenção. O aborto é crime tipificado nos artigos 124 a 128 do Código Penal Brasileiro.

Powered by Blogger