Acidente grave no Bairro Areia Preta deixa um ferido


Um acidente grave foi registrado por volta das 8h20 da manhã deste sábado (20), na Avenida Getúlio Vargas, no Bairro Areia Preta.

De acordo com a Polícia Militar, o acidente envolveu dois caminhões e um ônibus, próximo do trecho onde, em dezembro do ano passado, parte da pista da avenida cedeu em função das fortes chuvas que caíram sobre a região.

Segundo Djoni da Silva Ramos, 22, condutor do caminhão Iveco placa HLG-3309, de Ubá/MG, ele seguia sentido à cidade de Bela Vista de Minas, para fazer uma entrega, quando deparou com o ônibus M.Benz placa GSV-2737 de Coronel Fabriciano, parando em sua frente.

O ônibus era conduzido por Márcio Vila Nova, 37, que não teve ferimentos. Para não bater na traseira do veículo, ele desviou para a esquerda, vindo a atingir de frente, o caminhão Hyundai placas OWN-7033 de São Domingos do Prata, que era conduzido por José do Carmo Felix, 25, que ficou preso nas ferragens do veículo.

Uma equipe do Serviço Voluntário de Resgate (Sevor) compareceu ao local, retirou a vítima das ferragens e encaminhou ao Hospital Margarida com ferimentos leves. No veículo viajava também José Nilson Fernandes, 39, que saiu ileso. Por causa do acidente o trânsito ficou complicado na região.

A Polícia Militar usou uma rua lateral como desvio, mas somente para veículos de pequeno porte. O local foi devidamente sinalizado pelo Setor de Trânsito da Prefeitura, e o caminhão que causou o acidente, chegou a passar em cima de um tambores usados para alertar os motoristas sobre o estreitamento de pista logo adiante. A perita Carla Renata, da Polícia Civil de João Monlevade, esteve no local e recolheu os discos dos tacógrafos dos três veículos envolvidos. A pista só foi liberada por volta das 11h, após a retirada dos veículos acidentados.

Homem é executado dentro de um bar no Bairro Loanda

A foto da vítima, divulgada no blog e no site O Popular, ajudou na identificação do corpo

Um homem foi assassinado e outro baleado na manhã deste sábado (20), em João Monlevade, dentro do “Bar do Brito”, na Avenida Armando Fajardo no bairro Loanda.

O homem somente foi identificado por volta das 15h30, após divulgação da foto ao lado no blog e no site O Popular, como João de Jesus, 24,  natural de Águas Vermelhas/MG, estava sentado em uma mesa bebendo na companhia de outro homem, quando por volta das 5h20, o autor teria efetuado pelo menos três disparos na cabeça da vítima. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

Familiares da vítima foram informados por amigos dele, que viram a foto no site.

João de Jesus trabalhava, há pouco tempo, como gesseiro em João Monlevade.

Outro homem que ainda não teve o nome revelado, estava próximo ao balcão do bar e também foi atingido no braço por um disparo de arma de fogo. Ele foi levado ao Hospital Margarida e não corre risco de morte. O dono do bar alegou não ter visto nada, e que no momento do crime estaria lavando copos no fundo do bar. A Polícia Militar compareceu ao local e realizou intenso rastreamento, mas nenhum suspeito foi preso. A suspeita é que o crime esteja relacionado a acerto de contas.

A polícia pede a quem souber de alguma informação que possa ajudar a identificar a vítima, que entre em contato pelo 190 da Polícia Militar. Os peritos, Célio Augusto de Lima e Carla Renata, compareceram ao local e após colher informações que possam ajudar a identificar os autores, liberou o corpo da vítima que foi levado para o necrotério do cemitério do bairro Baú.

Mulher é presa com 35 pedras de crack no Cruzeiro Celeste


Marilane Rosa, 21, foi presa com a droga Uma casa localizada na Rua Alameda Dinamarquês, 891, no Bairro Cruzeiro Celeste tem se tornado alvo de constantes operações da Polícia Militar de João Monlevade, resultando na apreensão de grandes quantidades de entorpecentes.

O local já foi abordado diversas vezes. Somente neste mês já foram três.

No dia 8 de setembro, foram apreendidas no local 256 pedras de crack e quatro pessoas foram presas. Por volta das 21h desta sexta-feira (19), a viatura Tático Móvel comandada pelo sargento Fred Jorge, cabos José Maria e Helton Bruno, realizava patrulhamento pelo bairro, quando os policiais perceberam uma movimentação contínua de usuários de drogas no local.

 Os militares começaram a monitorar a residência e decidiram realizar a abordagem. Dentro da casa estava Marilane Rosa Alves, 21, e com ela os policiais encontraram 06 pedras de crack. Durante buscas no interior da residência foram encontradas mais 29 pedras de crack que estavam em um tubo plástico dentro do forno do fogão, doladas e prontas para a comercialização.

Foi apreendido também um aparelho celular e uma quantia de R$30,00. A mulher recebeu voz de prisão em flagrante e foi encaminhada para a 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil de João Monlevade.

Operação “Erradicar” da Polícia Civil de Nova Era prende três homens acusados de tráfico de drogas


A Polícia Civil de Nova Era realizou uma grande operação nesta sexta-feira, 19, denominada “Erradicar”, de combate ao tráfico de drogas na cidade.

A operação teve início às 6h da manhã, e foi comandada pela Delegada Ana Carolina Freitas e coordenada pelo delegado adjunto Bernardo de Barros Machado, da 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil de João Monlevade, e resultou na prisão de três homens e grande quantidade de drogas.

Segundo a polícia, a operação foi o resultado de um logo trabalho de investigação, realizado pela equipe de investigadores da cidade, que constatou que na Rua Mário de Carvalho, no Bairro da Estação, estaria ocorrendo intenso tráfico de drogas nas casas de números 817 e 819.

A delgada responsável pelas investigações encaminhou ao Ministério Público, uma solicitação de expedição de mandados de busca e apreensão nos dois endereços.

A Juíza Ludmila Lins Grilo, da Comarca de Nova Era, atendeu a solicitação da polícia e determinou à prisão dos envolvidos Hugo Wesley Emiliano dos Santos, 18, Vandervan dos Santos Emiliano Farias, 20, e Raizon Lorany dos Reis, 25.

Na casa de Hugo e Vandervan, os policiais encontraram 22 buchas de maconha, 08 pedras de crack, 38 papelotes de cocaína, 02 celulares e R$80,00, saquinhos de chup-chup usados para embalar drogas. Em conversa com Hugo, ele contou para os policiais que na casa da irmã dele havia mais dinheiro, que a polícia acredita ser oriundo do tráfico de drogas. Lá os policiais encontraram mais R$320,00, que foram apreendidos.

Vandervan já cumpre prisão no regime semiaberto e por isso, não estava na casa no momento da abordagem.

Na residência de Raizon Lorany, os investigadores encontraram mais 09 pedras de crack, 05 buchas de maconha, 05 papelotes de cocaína, 04 celulares, 04 seringas, 01 aparelho Xbox 360 e uma moto Honda/CBX 250 placa HAC-1491 de Nova Era, que poderia estar sendo usada no tráfico de drogas na cidade. No momento da abordagem, Hugo teria tentado evadir do local chegando a investir contra os policiais civis, mas ele foi dominado e imobilizado.

A polícia acredita que os três autores sejam membros de um mesmo grupo que vem atuando no tráfico de drogas na cidade, isso porque, as drogas encontradas nos dois endereços estavam em embalagens muito semelhantes.

Os três autores receberam voz de prisão em flagrante e foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil da Cidade.

Rapaz é executado, 12 dias após homicídio do tio

Um rapaz foi executado com mais de dez tiros numa escadaria existente do bairro Pedreira do Instituto.

Por volta das 23h30 desta quinta-feira, 18 de setembro, foi executado a tiros a vítima identificada como Windyson Miranda Souza, 21 anos, que estava sentado na escadaria do entroncamento das ruas Tucano com Curió.

No momento a vitima tomava uma cerveja, quando foi surpreendida por dois autores: um deles usava uma pistola 765 e o comparsa um revólver calibre 32; ambos efetuaram diversos tiros no rapaz. Após os disparos os autores fugiram a pé por ruas do bairro, tomando rumo ignorado.

Uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi ao local do crime, mas para somente pode constatar o óbito.
Várias viaturas da Polícia Militar foram ao local, que foi isolado até a chegada da perícia técnica da Polícia Civil que constatou várias perfurações pelo corpo da vitima, a maioria concentradas na cabeça.
 Foram mais de dez tiros disparados contra ele.

Estiveram também no local o delegado Juliano Alencar e uma equipe de investigadores para dar início aos trabalhos e apurar mais este crime, o 19º homicídio registrado em Itabira.

Tio – Durante os levantamentos no local do crime, os policiais ficaram sabendo que Windson Miranda era sobrinho de Marcos Roberto Oliveira Souza, de 35 anos, que também foi morto a tiros no último dia 6, portanto, a 12 dias atrás.

Suspeitos de tráfico são presos com mais de 30 buchas de maconha

Dois jovens foram presos na tarde desta quinta-feira, 18 de setembro, acusados de tráfico de drogas no bairro Madre Maria de Jesus. Lucas Soares, 24 anos, e Douglas Vinicius de Jesus, 19, foram detidos na rua Cinco.

 Com a dupla, os policiais militares encontraram mais de 30 buchas de maconha, além de dinheiro.
Os dois foram flagrados em atitude suspeita por uma equipe da PM que fazia patrulhamento.

 Ao perceber a presença da viatura, os jovens tentaram jogar fora a droga que tinham nos bolsos. Cada um deles tinha quatro porções de maconha no momento da abordagem.
Lucas Soares já era monitorado pela PM por suspeita de tráfico de drogas na região do Madre Maria de Jesus. 

Com ele, os militares encontraram R$ 106. Os policiais foram com o acusado até a residência dele e lá apreenderam mais 29 buchas de maconha e saquinhos de plástico para embalar os entorpecentes.



Enquanto os PMs confeccionavam o boletim de ocorrência, Douglas disse estar passando mal e sentindo dores no peito.

O Samu foi acionado e a equipe médica constatou que estava tudo bem com o rapaz. Mesmo assim, ele foi levado ao Pronto Socorro Municipal de Itabira. 
Lá, ele recebeu atendimento e depois foi liberado. Os dois acusados foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil, junto de todo material apreendido.

Começa a obra de construção de passeio público


Teve início na última quarta-feira (17), a obra de construção do passeio público na rua Barão de Cocais, no bairro Nova Esperança.

A construção da calçada é uma reivindicação antiga dos moradores do local já que a rua é estreita e, em um dos lados, no início da via, possui guard rail, impossibilitando a passagem de pedestres.

Além da rua Barão de Cocais, outras 13 vias da cidade também receberão o passeio público num total de 12.367,95 m². O investimento é de R$478.150,17.

A obra está sendo executada pela Sartori Serviços. A previsão era de que as obras começassem no fim do mês, mas a pedido do prefeito Teófilo Torres, preocupado com o período chuvoso que se aproxima, as intervenções já começaram.

Obras de calçamento da rua José Raimundo Bento já começaram

O calçamento da via é uma solicitação antiga dos moradores dos bairros próximos ao local já que a via é uma ligação entre os bairros Lucília e de Lourdes

Teve início na última quarta-feira (17), a obra de instalação de rede pluvial e calçamento da rua José Raimundo Bento, no bairro de Lourdes. De acordo com o Secretário de Obras, Fabrício Lopes, a previsão de término das obras é de 60 dias.

Faz parte do mesmo contrato o calçamento de outras oito vias. O valor do convênio é de R$863.277, 83. A obra está sendo executada pela Rocha & Rocha.

Powered by Blogger